04 janeiro 2015

Das palavras que poderiam ser minhas #8

"...E não, não me faz confusão alguma que se ganhe dinheiro com um blogue (até porque tenho presente o quão contente fiquei da primeira vez que isso me aconteceu). Nem mesmo que se ganhe dinheiro com os conteúdos de um blogue (ainda que, por opção pessoal, sempre me tenha recusado a fazê-lo). Talvez me faça alguma confusão que se ganhe dinheiro com um blogue falando com as pessoas como se se tivesse acordado uma manhã a pensar num produto ou serviço quando na verdade se acordou uma manhã com um e-mail ao qual se respondeu com um orçamento (...) Não sou o Velho do Restelo nem os blogues têm que permanecer como nasceram, estáticos e imutáveis, ao sabor da minha vontade. Mas gosto de pensar que a verdade e o respeito pelo próximo (ainda mais por aquele que nos lê) são tendências intemporais, não importa o ano nem a estação. (...)]

— palavras sábias do 'O Alfaiate Lisboeta'

[não, não fugi à discussão acalorada do penúltimo post (como apressaram-se a perguntar), mas como estivemos fora durante a passagem de ano (um retiro em Óbidos com a nossa igreja - sem internet e totalmente focados noutras coisas), e eu ontem fiz anos (as comemorações arrastaram-se pela noite afora) tempo ainda não houve para que eu pudesse parar e escrever-vos sobre o assunto. Em breve, sim?]

SHARE:

3 comentários

  1. Acho que não há muito mais a dizer. O Alfaiate disse tudo, não mudava uma vírgula. O problema não é lucrar com os conteúdos publicitários do blog, o problema é não ser suficientemente honesto para assumir que os mesmos são feitos em parcerias com marcas.
    Bom Ano

    ResponderEliminar
  2. Olha que coincidência Pah...tambem fiz anos no dia 3 Janeiro...Mas eu já contei 30...
    Parabens Anne.

    Katia Duarte

    ResponderEliminar
  3. Eu também, parabéns para nós ;)

    ResponderEliminar

© A GAROTA DE IPANEMA . All rights reserved.
MINIMAL BLOGGER TEMPLATES BY pipdig