02 fevereiro 2015

Saldos de Decoração // Freeport & Oeiras Parque

Eu não sei se é do meu actual mood dona-de-casa ou se é mesmo culpa dos trapinhos que entraram em saldos este ano (a maioria medonha e coisas claramente 'de refugo') mas a verdade é que já vamos em Fevereiro e saldos de jeito, está quieto. Eu esforço-me, vocês sabem que sim, ando ali à hora do almoço a espreitar lojas, a ver sites mas nada me faz pensar: "epá, mas que desconto fantástico, tenho mesmo que aproveitar." ou "caraças, preciso mesmo disto!".

E se no que toca à roupa/malas/sapatos, a coisa ficou mais ou menos arrumada (espero ansiosamente pela Primavera e pelas novas colecções), no que toca à decoração e objectos para casa... ui, é uma perdição. Ainda temos tantas coisinhas para comprar (nada essencial, só mesmo decoração) que aproveitei a ida ao Freeport na segunda-feira passada (estive de folga, tão bom) para espreitar os saldos pelas bandas de Alcochete. Sim senhora, estavam fantásticos!


No Continente Outlet encontrei essas caixinhas turquesas com detalhes em relevo dourado, num tamanho ideal para guardar carregadores de telemóvel, tablet e outras porcarias que detesto que fiquem à vista no nosso quarto. Foi uma para cada mesinha de cabeceira. [nota: o nosso quarto é todo branco com a parede da cabeceira da cama em azul turquesa, logo, a caixinha caiu como uma luva na decor) // Eram 4,99€ cada e paguei 3€ por cada (ok, não foi um desconto pra lá de maravilhoso mas elas são lindas e super espessas/resistentes)


Ainda na mesma loja, trouxe esses dois candelabros que custavam 8,50€ cada e vieram para mim por 1,50€ cada um. Uma maravilha! A lanterna de vidro tem a base prateada espelhada e é daquelas coisas que eu já queria comprar há uns tempos mas todas as que via eram pra cima dos 15€ e esta custou só 2€ (e eu era menina para comprar mais uma mas vinha tão atafulhada de sacos e o vendedor nem se deu ao trabalho de embrulhar o vidro, de maneira que arrisquei trazer só essa).


Ok, eu confesso: trouxe essas almofadas (60cm x 60cm) só porque são com enchimento em penas de ganso (o meu enchimento preferido) e são super 'gordinhas' e confortáveis. Como tenho várias capas com essa medida (que comprei na La Redoute por uma pechincha), vão ficar perfeitas com as capas certas, que esta às riscas não tem mesmo nada a ver com nada. Eram 9,90€ cada e estavam por 3€.


Ainda no Continente, esse caderninho vintage chamou a minha atenção (não que eu precise de cadernos mas nunca resisto a coisas fofinhas de papelaria) e lá veio comigo, por 0,50€ e é em tamanho A5.
Quem faz uso da lareira sabe como é necessário um sítio próprio para arrumarmos as madeiras. Eu comprei um cesto em verga na H&M Home mas sempre foi um 'tapa-buraco' porque nunca fui muito com a cara dele. Queria algo em inox, com superfície brilhante e espelhada (sim, sou a maníaca dos móveis lacados em alto brilho, adoro o efeito 'espelhinho' ahaha). Custava inicialmente 14,95 e comprei por 7€.

Entrei na Adidas para ver se havia uns ténis xpto que o marido queria (só que o querido calça o 46 e encontrar sapatos para ele é o mesmo que procurar agulha num palheiro) mas dizia eu que andava para ali a passear entre ténis quando... vi esses em cor de rosa por 5€. Sim, leram bem: cinco euros. Já só havia em tamanhos grandes (do 39 ao 43) e é nessas horas que eu amo ter um pé grande (calço o 40), por isso, nem pensei duas vezes e agarrei nos ténis. Não é que eu estivesse a precisar mas para correr no parque (como se eu corresse) ou para sair de fato de treino no domingo (como se eu saísse assim) ahaha olhem, não sei. Não preciso, mas estava tão barato que não aguentei.

De 59€ por 5€... quem consegue resistir?

Na Loja do Gato Preto Outlet trouxe esse cesto ecológico de papéis, com dois recipientes para separarmos o papel do restante do lixo, ideal para ser usado em escritórios (nosso caso). A cor é um toupeira e cinzento mas havia em cores garridas como azul, rosa ou verde. Como o nosso escritório é em cores mais sóbrias, achei que este ficava melhor. Era 14,95€ e paguei 7€.

Tcharãã: A minha compra-maluca! Estava eu a sair do Continente quando vi uma loja (penso que será nova) de electrodomésticos com essa coisinha fofa na montra e a imagem de uma cenoura toda picadinha, com a promessa de ser 'sem o menor esforço'. Curiosa, entrei na loja e perguntei sobre a maquineta, que eu sou pessoa que ama comer certos crus (por exemplo, só consigo comer cenoura crua em lascas. Consumo carradas de cenoura por semana e de-tes-to andar ali a dar ao braço no ralador. Já experimentei comprar ripadas mas são ressequidas, parecem batata-palha) e quando vi essa máquina, ainda por cima tão bonitinha e pequena (é mesmo compacta), soube que a queria. O preço original era de 65€ mas estava com um desconto fantástico e paguei apenas 39€. Ontem ralei duas cenouras em raspas fininhas, mesmo como eu gosto e não levei nem 30 segundos. Estou apaixonada por ela! Sei que também vende na Fnac e que no ebay é possível encontrar os discos raladores nos mais diferentes formatos (para batatas aos cubos, para isto, para aquilo). O máximo!

Há dias fui ao cinema com o marido no Oeiras Parque e passei pela loja O Papagaio sem Penas (por uma dica deste post, da Carla) e compramos o veado de madeira para pendurar por cima da lareira (queria algo assim há que tempos!). Entretanto acabamos por comprar também o alce, que é tããão lindo e um dos animais que mais gosto. Foram ambos pintados de tinta spray metalizado e ficaram lindões, por cima da lareira. Custou 9,90€ cada animal (e não, não estavam em saldos mas foram baratinhos à mesma).


Ainda no Oeiras Parque, desta vez no Continente, aproveitei uma promoção em que estavam com 50% de desconto em todos os candeeiros e iluminação para trazer um candeeiro que andava a namorar desde o início da colecção. Chama-se "Marselha" e é em metal branco com detalhes de madeira, que vai resultar muito bem com a cadeira Eames no escritório. Era 24€ e trouxe por 12€. Adoro o ar vintage dele!

Nesta fase em que já temos tudo de 'essencial' para a casa, podemos focar-nos na decoração e em objectos mais giros que móveis e electrodomésticos. Acho que os saldos são uma altura fantástica para comprar este tipo de coisas que via de regra não são 'essenciais' mas que, vamos concordar, fazem toda a diferença.

E por ai, muitas boas compras? Contem-me!

SHARE:

9 comentários

  1. Belas comprinhas, a Anne tem olho para as compras, neste caso teve "pé" lololl. É das poucas que encontra sempre sapatos nos saldos :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Eheheh é mesmo, tive 'pé'. E eu normalmente detesto calçar tanto, é uma dificuldade para encontrar sapatos (os mais giros nunca me servem). Nos saldos ainda vou arranjando qualquer coisa a preço fantástico mas na época normal é um deus-nos-acuda.

      Eliminar
  2. Que preços fantásticos!
    Os candelabros e a lanterna são as minhas peças preferidas!

    Beijinhos,
    Carolina

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Não é? Também fiquei apaixonada pela lanterna, andava de olho numa parecida na Silverfield mas quer dizer... 60 e tal euros por algo muito semelhante, sem condições. Quando vi que esta custava só 2€ ia caindo para o lado. Adoro-a!
      Beijinhos

      Eliminar
  3. Boas compras! =) gostei bastante do alce, também gostava de usar algo assim na parede... mas mais "realista" digamos assim... a mãe do meu namorado tem um lindissimo em bronze, lindo lindo! Se ela não o quiser, sou bem capaz de lho pedir =D aliás, o meu namorado já sabe! eheh!!

    Mas olha lá, anne, já q também és "pésuda" (apesar de eu achar 40 um numero normal x.x), eu calço o 41-42 (depende do sapato), e é tão dificil encontrar sapatos giros nesses tamanhos (a maioria dos 41 daquelas lojinhas normais do shopping são pequenos)... Onde aconselhas a ir?
    Sei q a NewYorker e Primark vendem 42, mas sabes outras?

    Beijinhos*
    D.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Eu andei a um nada para encomendar um veado de metal no ebay mas caraças, 40 e tal libras era muito para o que eu queria... Achei que estes do Papagaio sem Penas tinham um ar infantil (pudera, é um puzzle) daí que tenha pintado de spray prateado e adorei o resultado, com os veios da madeira a aparecerem por baixo. Depois mostro como ficou a arte final =)

      Normalmente compro sapatos na Aldo (tem até o 41 e a forma é grande), na La Redoute, na Seaside (alguns, porque a tal 'linha de calçado grande' só tem tralha e coisas feias de morte), às vezes na Adidas e muitas vezes encomendo online na ASOS e outras lojas britanicas (diz que as inglesas são assim altas e 'pésudas' como nós).

      (na Primark já comprei mas jurei para nunca mais. Estragaram-se ao fim de 6 utilizações, não vale a pena o dinheiro que se gasta, por mais barato que seja).
      Beijinos

      Eliminar
  4. Olá, o comentário é para a anónima das 23h30 e para todas que como eu sou alta e calço também 41 e as vezes 42 :/, na La redoute vendem até o 45, e também existe uma rede de lojas chamada Deichmann em vários centros comerciais, eu conheco a do Dolce Vita Tejo e no Loureshopping, são uma rede de lojas alemã, e tem normalmente até o 44 para mulher, a Fly London também tem numeros grandes.
    Agradecia que se alguém conhecesse mais alguma loja, por favor indique, pois fico sempre limitada à essas lojas e nem sempre os modelos me agradam :(

    Beijinhos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá, sim, já comprei nesta Deichmann (acho que foi no Fórum Sintra) e realmente, tem sapatos giríssimos para pés grandinhos. A Fly London só comprei uma vez umas sandálias (caras como tudo) e não eram lá muito confortáveis.

      Infelizmente, é raro poder comprar na Zara (mesmo alguns modelos, o 41 fica-me à conta e é desconfortável). Que tristeza...

      Eliminar
  5. Excelentes compras Anne!
    Btw, também calço o 40! ;)

    ResponderEliminar

© A GAROTA DE IPANEMA . All rights reserved.
MINIMAL BLOGGER TEMPLATES BY pipdig