28 maio 2015

Dilemas da minha vida...

À hora do almoço, sentadas na esplanada a almoçar: eu e mais seis raparigas. Suspiro e digo que estou farta desta ventania desgraçada que se faz sentir em Lisboa e que no fim-de-semana vou me pôr na estrada rumo ao Algarve para ver se 'apanho uma corzinha'.

E pronto, tenho seis pares de olhos muito abertos a olharem para mim como se eu fosse louca. Uma delas diz: "Ah, só podes estar a gozar connosco! Nós aqui brancas como cal e tu é que precisas de cor?!"

Epá, preciso, o que é que querem? Lá por ter nascido com esta cor (que não, não é bronze nenhum, é mesmo a minha cor), uma pessoa não pode gostar de estar (mais) moreninha e com aquele tom dourado que só a praia nos dá? E já não podemos gostar de andar a exibir a bela da marquinha do biquíni? No verão gosto mais de me ver pretinha e então? Posso? Obrigada.

SHARE:
© A GAROTA DE IPANEMA . All rights reserved.
MINIMAL BLOGGER TEMPLATES BY pipdig