18 junho 2015

Objecto de desejo: mini-horta vertical na cozinha!

Sempre ouvi dizer que a cozinha é o coração de um lar e apesar de inicialmente não concordar com essa afirmação, hoje compreendo perfeitamente o porquê de tal frase. A nossa cozinha é dos maiores cómodos da nossa casa (a par com a sala) e vai daí, é o sítio de eleição de toda a gente quando chega cá a casa: a minha mãe, mal chega, senta-se logo na cadeira da cozinha para beber alguma coisa. Os amigos que vêm jantar cá de vez em quando também ficam a bebericar vinho na cozinha, enquanto nos fazem companhia a preparar o jantar. Ao fim de semana, quando me meto a inventar pratos ou testar receitas novas, ficamos a tarde inteira por lá (ele no portátil, sentado na mesa da cozinha a provar tudo o que eu faço) e eu com iPad na bancada, a seguir à risca os passos da receita.

Confesso que não gostava inicialmente da nossa cozinha e dei-lhe uma grande volta para ficar como nós queríamos (agora até tem spots de luz embutidos nos armários - mariquices minhas). Na semana passada troquei tudo de lugar, pendurei coisas, troquei os assentos das cadeiras, enfim, foi quase uma remodelação (depois mostro fotos). E no meio da mudança, fiquei com uma parede de coluna totalmente disponível. Inicialmente pensei em comprar uma estante alta e fazer uma mini-lavanderia (porque fica mesmo em frente à máquina de lavar roupa) mas depois pensei na quantidade absurda de temperos, ervas e especiarias que utilizamos todos os meses (comida sem tempero não 'rola' por aqui) e pensei: porque não fazer uma espécie de horta vertical, com os vasinhos pendurados na tal coluna?

Medimos o espaço disponível, fomos ao site da IKEA e apontamos tudo aquilo que vamos precisar para pôr em prática o projecto. Não vai dar quase trabalho nenhum e acho que vai ficar super giro: adoro plantas na cozinha (e na casa em geral, pena é que mato-as todas) e só de pensar em não comprar mais salsa, coentros, hortelã e afins, tendo tudo ali à mão de semear... vai dar logo outro gostinho aos pratos (nada como ter temperos frescos para fazer o jantar). Já li que devemos adubar todos os meses os vasinhos, com adubo orgânico visto que as ervas são para alimentação... e penso que não será difícil. Vamos tratar disso no fim-de-semana e depois se correr tudo bem, logo vos mostro (se não correr... horta? que horta? *assobio*)


Alguém já fez algo parecido em casa? Como correu? As ervinhas aguentam-se bem durante os meses mais frios (é a minha única ressalva)? Partilhem as dicas da horta doméstica aqui com a menina? Agradecida.

(em relação às espécies, estava a pensar nas que mais utilizo: cebolinho, manjericão, salsa, coentros, hortelã, oregãos e talvez, uma pimentinha daquelas fáceis de cultivar.)

SHARE:

10 comentários

  1. Anne, eu tenho uma horta na varanda e garanto-te: os temperos têm mesmo outro sabor! Saem fresquinhos, saborosos e cultivados em casa :) Normalmente as ervas precisam de muita água, cerca de 2 em 2 dias precisas de regar. De resto, uma boa luz e local arejado. Boa sorte!

    (e quero ver fotos desta cozinha remodelada)

    ResponderEliminar
  2. Não precisas necessariamente de adubar; basta que tenham bastante luz natural e que te lembres de regar com frequência. Nem água a mais, nem a menos: a coisa vai por tentativas. Até porque algumas ervas precisam de mais água que outras ;)
    Algumas poderão secar ao fim de algum tempo, o que não é anormal; corta-as e aproveita as folhas que puderes (dá para congelar) e substitui por uma planta nova. A sério, vai-se melhorando com a experiência e vale muito a pena ter as aromáticas frescas mesmo à mão.

    ResponderEliminar
  3. Já tnha visto essa ideia e achei o máximo! :D

    ResponderEliminar
  4. A minha irmã tinha uma coisa dessas na cozinha mas morreram as plantas todas.
    Lembro-me também de ler por aqui pela blogosfera alguém que fez isso e ficou com a casa cheia de insectos.

    ResponderEliminar
  5. Eu tentei mas nem de uma mini-horta consegui tratar...

    ResponderEliminar
  6. Se o local não for muito luminoso, esquece! Caso contrário, funciona relativamente bem! Dentro de casa apenas tenho um vaso de salsa, mais por efeitos decorativos do que para uso! :D

    Insectos apenas aparecem se houver águas acumuladas, o que obviamente deve ser evitado, mas isso em qualquer planta!

    ResponderEliminar
  7. Eu tenho uma guerra secular com as aromáticas, não consigo mantê-las vivas durante muito tempo, é a grande desilusão da minha "carreira" como jardineira wanna be :( Mais tarde ou mais cedo acabam sempre por secar. É verdade que as ervas frescas dão um sabor totalmente diferente à comida, por isso sem dúvida que é uma excelente aposta. Atenção que as plantas em geral e as aromáticas em particular costumam atrair bicharada, especialmente mosquitos, por isso eu teria algum cuidado com o local onde as colocas e apostaria num sítio que fique longe da zona de preparação de alimentos e tratamento de roupas.

    ResponderEliminar
  8. Também adorava ter uma na minha cozinha!!

    ResponderEliminar
  9. São mesmo giras! E devem dar um jeitaço... nada como ter as ervas aromáticas ali "à mão de semear" ;)
    Boa sorte com o projecto!

    ResponderEliminar
  10. Com águas paradas ou não, vai haver bicharada!
    O ideal é optar por colocar a horta numa varanda, ou algo assim ;)

    ResponderEliminar

© A GAROTA DE IPANEMA . All rights reserved.
MINIMAL BLOGGER TEMPLATES BY pipdig