17 julho 2015

Ai que as minhas amigas dão cabo de mim...

Há dias fui ao cinema com o meu amor no Colombo e calhou de passarmos mesmo em frente à loja da Michael Kors. Apaixonei-me logo por uma malinha e fiz olhos de bambi. Marido a assobiar para o lado, entretanto fui para a fila comprar os bilhetes e ele disse que ia à casa de banho. Voltou com a minha mala na mão (linda, linda que só ela!).

Hoje de manhã uma amiga ligou-me. "Anne, queres ir à hora do almoço à loja da Michael Kors da Av. da Liberdade? Estão com malas a 50% de desconto e eu quero ir espreitar..."

Nãããããããõ! Mil vezes não!

Mas por quê? Por quê eu?! Eu sou fraca, não consigo resistir a uma boa promoção (principalmente se já estiver de olho naquele artigo há muito tempo - era o caso).

E é isto a minha vida... Quando vi as Greenwich em preto (tamanho large) com 50% de desconto... é que nem pensei duas vezes! Agarrei-as logo, paguei e corri para o carro, sob pena de me desgraçar por completo naquela loja do demo. A amiga teve que escolher sozinha a mala dela, que eu não podia arriscar-me a continuar ali dentro ahahaha.

De 394€ por 197€. Liiiinda de sua mãe!
  
[o modelo que ganhei do marido é o Rhea na cor camel, super versátil e numa pele tão macia que sei lá, apetece usá-la para sempre! Depois partilho fotos de ambas as malas e fica aqui o conselho: NÃO entrem na Michael Kors por uns tempos, sob pena de saírem de lá depenadinhas...]

P.S: Aproveito sempre a época de saldos para comprar artigos mais caros e de qualidade inegável... Opto sempre por modelos clássicos, de boas marcas e no que toca à malas e calçado, escolho-os em pele porque sei que vão durar anos e anos...

SHARE:

20 comentários

  1. Fica descansada que ninguém está a pensar dar 200€ por uma mala. Obrigada pelo conselho.

    A MK agradece a publicidade gratuita. Poupou duas malas que já pode ir oferecer a uma blogger famosa em troca da publicidade.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ninguém diria isso a julgar pela loja APINHADA de gente ontem à hora do almoço (só eu fiquei 20 min na fila para conseguir pagar a mala). Realmente, ninguém deve estar a pensar dar 200€ por uma mala...

      Por mim a MK pode bem oferecer as malas que quiser à bloggers que eu prefiro comprar e escolher as minhas próprias mala :)

      Eliminar
  2. Esse é o meu modelo de eleição, mas em fuschia. É linda que se farta, vai bem com tudo e é versátil por ter duas configurações consoante a nossa vontade. Comprei a minha fora da época de saldos e custou-me dar 400€ por uma mala mas confesso que foi uma excelente aquisição! Estou mortinha por ir espreitar os outros modelos em saldos, ai Anne, o que foste fazer!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olha que essa cor também estava com descontos (mas era só 30% eheheh). Eu andava louca atrás desse modelo em preto e nem fazia ideia que a MK fazia saldos (as duas malas que tenho da marca foram compradas nos EUA em época normal). Foi uma feliz descoberta ;)

      Eu estou com mais uma debaixo do olho mas... acho que vai ficar para outra ocasião :P

      Eliminar
  3. Anne, também estou a pensar comprar esse modelo mas tenho uma dúvida: aquilo que eles chamam de "couro saffiano" é pele verdadeira? Vejo sempre esta descrição no site da Michael Kors mas não percebo... Podes exclarecer? Obrigada

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Eu não sou a pessoa mais entendida no assunto mas também tive essa dúvida e perguntei ao vendedor da MK sobre o tal couro saffiano (e depois pesquisei no google, claro).

      Sim, é pele verdadeira. O vendedor explicou-me que o couro saffiano é feito com couro curtido de bezerro e o método de 'curtir' a pele é que torna a mala tão resistente. São mais encorpadas (e consequentemente, mais rijas) que uma pele normal. Recebem depois um tratamento de impermeabilização com cera e por isso é super fácil de limpar. São também mais resistente a manchas e arranhões.

      Ao toque não é tão confortável quanto o couro tradicional (que é super macio) mas em termos de beleza e durabilidade, gosto muito mais do couro saffiano :)

      Eliminar
  4. A mala é linda, contudo, o preço que pedem por ela é um assalto. Só mesmo em saldos e mesmo assim, e...e...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Pois, eu também acho que não conseguiria dar 400€ por essa mala (já por uma Neverfull da LV, a coisa muda de figura ~sonhos~), já em saldos acho que é de aproveitar porque realmente, tem uma óptima qualidade. Eu ando numa fase em que prefiro comprar uma MK do que cinco da Parfois. Estou farta de malas que só duram um ano (com esforço), cujas alças começam a esfolar, o fundo da mala fica logo desfeito e com ar de gasta... Aquela conversa de que "a qualidade paga-se" não é de todo utopia.

      Eliminar
  5. Porraaaaaaaaaaaa é tudo rico aqui e eu serei a única pobre ...carambaaaaaaa....isso é quase o valor do meu ordenado aiiiiiiiiii ninguém merece :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Não sou rica mas acho que um dia não são dias e era mesmo uma oportunidade porque eu queria muuuito essa mala e encontrá-la por metade do preço foi uma feliz coincidência. O meu primeiro ordenado também era quase o valor desta mala (trabalhava só fds) e é claro que na altura não poderia me dar a esse luxo...

      Eliminar
  6. isto dever ser o novo riquismo e falta de senso, minha querida! Marido oferece uma bolsa, faz beicinho!!!( és uma criança?) e na mesma semana compra outra bolsa!!! Antes que venha , não tenho inveja da menina, não tenho motivos, fico mesmo admirada de ter gasto dinheiro do seu marido num capricho e vem p aqui dizer que faz beicinho! Haja paciencia

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ahahaha sim anónimo, fiz beicinho, mandei-me para o chão, esperneei, espumei-me toda e só assim é que o meu marido cogitou a compra da mala. Era isso ou ter que me amordaçar e arrastar-me até o carro, então ele achou mais fácil abrir os cordões à bolsa. É, foi isso.

      Eliminar
    2. Sim, anônima das 14,35, não sabia que é mais fácil fazer o marido gastar dinheiro do que sair do nosso bolso! Aprenda com a bloguer,que é bem esperta.
      Eu nunca o fiz mas vou tentar com o meu marido! Ah ah ah

      Eliminar
    3. Novo riquismo? Odeio essa expressão, totalmente descabida. Se a Anne gostou da mala (eu também gostaria) e tem condições para a comprar, pois que compre e seja feliz. Não é bem assim que as coisas funcionam. Então qualquer pessoa que trabalha duro para conseguir ter coisas que deseja e sonha é uma nova rica? Olhem-se no espelho…este é um pensamento mesquinho e preconceituoso.

      Eliminar
  7. MK para mim, mesmo só as falsificadas. Mas n tenho nada contra a Ane se ela pode acho bem.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. A contrafacção é crime, continue a contribuir para isso. O importante é manter uma fachada...

      Eliminar
  8. Alguem me sabe dizer se em Lisboa há algum outlet que venda malas Michael Kors?

    ResponderEliminar
  9. Comprei uma mala MICHAEL KORS neste início de mês de junho, na própria loja no CCC.
    Por que não ? Durante um ano privei-me de cafés, amealhei e investi numa mala de qualidade que perdurará no tempo. Não me arrependo. Prefiro qualidade a quantidade.

    ResponderEliminar

© A GAROTA DE IPANEMA . All rights reserved.
MINIMAL BLOGGER TEMPLATES BY pipdig