01 outubro 2015

Cada vez mais rendida às compras virtuais.

Acho que é consensual: há cada vez mais promoções de artigos em lojas online e uma pessoa nem sabe muito bem para onde se virar. Eu bem tento comprar o que é nosso, artigos feitos cá e de óbvia qualidade mas confesso que ultimamente tenho sido uma péssima cidadã: compro aquilo que faz bem ao meu bolso e não quero saber se é fabricado em Lisboa ou em Pequim. No que toca a sapatos então, não consigo perceber: Portugal e Espanha são países líderes no que toca a fabrico de bons sapatos mas depois o preço é um absurdo! Pedem quase 200€ por umas botas de cano alto (ainda na semana passada mandei vir de Inglaterra umas botas parecidíssimas, todas em pele - lindas, lindas, por 80€). Uma pessoa dá uma voltinha às lojas online em Inglaterra ou França e tumbas... sapatos em pele pela metade do preço praticado cá. Juro que não percebo se é ganância, se são os custos de fabrico, se são os impostos... mas a verdade é que cada vez compro menos coisas nacionais, é uma pena. 

Há dias estava no site da La Redoute e vi uns botins em pele croute de cor toupeira com 70% de desconto, num modelo clássico e que não sai de moda. Isto de ter um pé grande (calço o 40/41) também tem as suas vantagens. Havia o meu número, eis que encomendei e chegou hoje. Calça maravilhosamente bem, super confortável, salto que nos dá estabilidade e são muito mais giras que nas fotos do site (estou a preparar um post com as compras que tenho feito para o Outono e poderão comprovar o que falo sobre estes botins).

Preço inicial: 89,99€ - em saldos: 27,49€ (daqui)

Com o meu drama dos 'pés grandes' já corri tudo o que foi sapataria em buscas de botas, por isso posso afirmar: não vão encontrar nada com esta qualidade e este preço nas lojas físicas (se encontrarem, partilhem comigo!). Estou farta de comprar botas na Zara e afins, pagar 50€ ou 60€ por um par 100% poliuretano que no final da estação está todo descolado, salto desfeito e boca de jacaré. Posto isso, este ano quero apostar forte e feio nos calçados em pele e bons. Daqueles que vão durar, pelo menos, mais do que uma estação. E vocês?

SHARE:

25 comentários

  1. São giras, tenho umas muito parecidas mas em preto!
    Calçado online só compro se conhecer a marca, para ter a certeza que o modelo calça bem. Calço 35 mas algumas marcas fazem 35 um pouco maiores ao ponto de já não servirem, por isso tenho algum medo de arriscar

    ResponderEliminar
  2. Adoro esses botins.
    Concordo consigo, mais vale procurar bem e aliar o preço á qualidade.
    Também compro muito online e cada vez mais.
    Isabel Guerreiro
    http://conchasebuzios.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  3. Não encontro nada que goste na La Redoute há anos... É pena, porque há sempre belas promoções.

    ResponderEliminar
  4. Anne, tens aqui botas lindissimas:

    http://roslisbon.com/pt/home/71-simone-chocolat.html

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. A sério? Então a Anne acaba de falar em preços absurdos e vai-lhe recomendar o calçado Ros? Tenho de admitir que a colecção outono/inverno até tem uns modelos engraçados (ao contrário da de verão) mas nada que justifique os preços lá mencionados... É um absurdo

      Eliminar
    2. Carla, sou forçada a concordar consigo. Não percebo bem de onde a Maçã de Eva desencanta aqueles preços... 180€ por umas botas? Really? De uma marca que nem é bem marca? Poupa-me. Ainda por cima diz que foi ao Brasil fabricar os sapatos, ou seja, aquilo é tudo menos português (português só mesmo a mentalidade), ainda por cima tudo no Brasil é fabricado ao preço da uva mijona... é ganância pura, isso sim.

      Eliminar
    3. É claro que o calçado Ros deve ser de boa qualidade, contudo, qualquer pessoa do Norte encontra modelos parecidos e qualidade igual em sapatarias tradicionais por 1/3 do preço. Sei que aquela história da "qualidade paga-se" é de facto verdade, mas quem conhece os meandros das fábricas de calçado no Norte sabe que a qualidade Ros é boa, mas os preços estão desajustados. E nem se pode falar em originalidade. Os modelos são claramente inspirados noutros existentes (a título de exemplo, os sapatos com pele de cobra que a maçã tinha da Massimo Dutti e replicou "chapadinho" na sua coleção, só difere, e muito, no preço).
      Luísa Mesquita

      Eliminar
    4. O que é uma marca que não é bem marca? A partir do momento em que as empresas são registadas no registo comercial, passa a existir uma marca. Seja ela conhecida há mais de um século como a LV, ou aquela que só tem meses de existência. A primark é uma marca, a zara idem, a gucci e por aí fora. Talvez o que quer dizer, é que há marcas de luxo e outras não? E que a seu ver a ROS não é uma marca de luxo? Pois, acredito, isso é subjectivo, eu também não me identifico com a ROS, tenho outras preferências.

      Eliminar
    5. Nunca compraria na Ros Lisbon, preços absurdos! Se querem calçado do género que ela vende procurem na Seaside que tem modelos idênticos ( e lindos de morrer ) que calçam muito bem ou o Calçado Sameiro " Samelli " :)

      Eliminar
  5. Nunca fiquei satisfeita com sapatos comprados na zara...duros como tudo, que nem dps de dias e dias de martirio se dao ao pé. O único par que consegui usar por mais de meia hora foram umas botas que me custaram perto de 60 euros e as quais tive que mandar para o spateiro pois a sola após 2 vezes de uso comecou a descolar. Quem diz Zara diz Mango, nao sei quem consegue usar aqueles sapatos. Já na C&A tive boas surpresas, sapatos em material macio...mas tb nao é sempre que se encontra. Sou "obrigada" na maioria das vezes a gastar balúrdios em botas e sapatos em pele macia, pois para enfeitar o armário já tenho que sobre. Online nao me atreveria a comprar, a nao ser que já tivesse experimentado o modelo em loja.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Digo o mesmo em relação ao calçado da Zara (apenas escapou umas botas tipo pantufas, género das UGG que não tinha chance de ser desconfortável). Costumo comprar também na Seaside e apesar dos sapatos durarem um bocadinho mais, não são nada de espetacular.

      Em relação à C&A, costumo lá comprar sapatos de pele (especialmente em saldos) que adoro, apesar de nunca inovarem muito mas aproveito para comprar coisas intemporais. Tive uns botins em pele da C&A que custou 60€ e me durou uns bons 4 anos (e só se estragou porque tive um acidente de carro com eles e parti um salto).

      Online tenho tido boas surpresas e especificamente no caso da La Redoute, se não servirem mando para trás e eles devolvem o dinheiro em uma semana (nesta encomenda que recebi hoje vou ter que mandar outras 4 artigos para trás).

      Eliminar
  6. Pois é, isto é tudo muito bonito e tal... mas e a nossa consciência social, onde está? Sabiam que estes calçados em pele com tantos descontos foram feitos em condições de subemprego? Cosidos por crianças na Índia ou no Paquistão? Pessoas exploradas para servirem de mão de obra barata e com isso, as grandes empresas podem vender coisas tão baratas...

    Eu nem percebo a lógica, a Anne não é propriamente uma pessoa pobre (quem anda de iphone 6 plus - coisinha para custar perto dos 1000€ não é de todo pobre) logo não percebo a lógica de estar a comprar sempre coisas com descontos. Quem dá 400€ por uma mala da MK pode facilmente dispensar 200€ para comprar umas botas da ROS, que diga-se de passagem são lindas e muito confortáveis (tenho umas compradas no atelier da Ana e para além da simpatia com que fui tratada, o artigo é excelente).

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. A serio que consegue confundir tudo?!

      Eliminar
    2. E então? Se é rica ou menos rica tem de comprar mais caro? Não quer pagar tanto, não paga e pronto!
      Nem que eu tivesse milhões para gastar, também não compraria determinados produtos.

      A Primark é um bom exemplo, é super barata e tal, a mão de obra deve ser duvidosa também, mas está sempre cheia. Nem toda gente pode pagar 60-80€ numas botas, mas mesmo que pudesse, não é obrigado a tal.

      Eliminar
    3. A consciência social é importante, certamente. Mas ainda mais importante é a consciência do meu bolso e disso sei eu. Tenho evitado comprar na Primark, por exemplo, por todos os artigos que tenho lido sobre exploração de mão-de-obra infantil e afins. Quando sei que existe isso por trás, forço-me a não comprar esses produtos. Mas nem todas as marcas utilizam este tipo de estratagemas e nestas compro.

      Quanto a comprar com descontos, que pessoa não gosta, não é? Prefiro economizar o meu dinheiro para outras coisas mais importantes e ao mesmo tempo, vestir-me com qualidade. E nunca dei 400€ por uma mala, nem sei onde leu tal informação.

      Sobre o calçado ROS Lisbon, tudo o que sei é que foi criado pela Ana, do A Maçã de Eva, blog que gosto muito e acho a autora uma pessoa bastante empreendedora e mulher de armas. Gosto de alguns modelos da marca mas acho-a cara para aquilo que é (nunca experimentei nenhum mas assim de repente conheço n marcas com calçados dentro do mesmo género e bem mais baratos).

      Eliminar
  7. Tem visto a novela verdades secretas? Ja ha muito tempo q n via algo tao bom!!recomendo

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Não tenho visto mas tenho lido imensa gente a elogiar (e os meus familiares no Rio não perdem um capítulo). Não gosto de ver novelas pelo computador porque não tenho limites... quero ver todos os capítulos de uma só vez hahaha. A ver se essa novela vai passar cá ;) Obrigada!

      Eliminar
    2. Me too! A novela esteve no ar 3 meses e eu via -a online em mês e meio!estava viciada:-)

      Eliminar
  8. Ana por favor podias fazer uma lista das lojas online onde compras o calçado .

    ResponderEliminar
  9. Meninas eu tenho sorte aki (norte) há fábricas que tem loja ao público.Por isso compro muito em conta, exemplo: a fly london tem botas de cano alto a custar 60€, o mínimo na loja são 35€ em sapatos, super confortáveis. Agora até já vendem bolsas, óculos, e até alguma roupa tudo da marca fly .
    Anna

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Também gostava de saber onde há dessas lojas! :)

      Eliminar
  10. Cara Anónima, é possível especificar onde são essas fábricas/lojas? Também sou do Norte e interessava-me muito comprar calçado de boa qualidade que não me depenasse a carteira!! Obrigada :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. olá, não me importo nada também gosto que me facilitem as coisas.Pertence ao concelho de Guimarães.Basta por Kyaia no google que tem lá tudo.
      Anna

      Eliminar
  11. Anne, são muito bonitas as botas, e eu tenho o mesmo problema que tu, ter o pé grande. Também opto muitas vezes pela compra online.
    Já agora, não sei se me podes ajudar, qual é o serviço que usas para mandar dinheiro para o Brasil, acho que li aqui algures no blog que mandavas. Beijocas

    ResponderEliminar
  12. Anne por favor me indica qual o site da compra das botas de cano alto que comprou em Inglaterra. Estou mesmo precisando de umas assim, mas não consigo dar tanto dinheiro por elas. Obrigada

    ResponderEliminar

© A GAROTA DE IPANEMA . All rights reserved.
MINIMAL BLOGGER TEMPLATES BY pipdig