17 fevereiro 2016

Uebaaa!


Diz a sabedoria popular que "quem tem uma mãe tem tudo" e eu completo: quem tem uma mãe e um marido (dos bons) tem mesmo tudo! Então não é que estes dois organizaram uma viagem nas minhas costas? Marcaram vôos, hotéis, transfers, trataram mesmo de tudo para esta surpresa. Andei uns dias triste, é um facto, esta situação de estar a tomar medicação e ter todos esses cuidados deram cabo do meu bom humor de sempre, foi inevitável. Talvez por sempre ter sido muito saudável, sinto-me estranha agora com horários para comer, horários de medicação, horários disto e daquilo... Soa dramático (eu sei que há doenças infinitamente piores) mas enfim, fiquei mesmo triste.


E eles fizeram-me essa surpresinha: recebi uma viagem à um sítio que quero muito ir (há pelo menos um ano que venho tentando combinar a viagem mas acontece sempre qualquer coisa que me faz mudar de planos e escolher outro destino) e estou a modos que encantada. Foi mesmo remédio santo para me pôr toda serelepe de novo! Marrocos é um dos destinos que tinha debaixo do olho e estou super empolgada! Vamos em Abril e serão 8 dias de descobertas entre Marraquexe, Essaouira, Fez e Chefchaouen, a cidade azul. Quero andar de camelo, quero um tour para passar uma noite no deserto (deve ser uma experiência do caraças, só nós ali e um céu estrelado por cima), quero ir a um hamman, quero negociar preços nos souks, quero tuuuudo o que Marrocos têm de mais peculiar para oferecer. Estou em pulgas! (não se nota nada, pois não?)
"Actually, the best gift you could have given her was a lifetime of adventures..."
Lewis Caroll
Alice in the Wonderland 
-------

(e dicas daquelas bem boas, têm? Estou à caça na net, como sempre, mas confio muito mais nas vossas por isso se tiverem boas sugestões de locais a visitar, dicas de sobrevivência, enfim, tudo o que nos possa ser útil ficarei muito grata! - para já, dizer que hoje estive na RealTransfer para enviar dinheiro para a minha avó e aproveitei para perguntar se tinham dirham marroquino (taxa de 1€= 11 dirham) e disseram-me que sim, basta 'encomendar' com uma semana de antecedência porque nem sempre têm lá essa moeda - menos uma coisa a tratar, portanto).

SHARE:

27 comentários

  1. A Marrocos nunca fui, mas é um sítio onde gostava de ir :) se bem que com o clima actual de terrorismo e alguns problemas que já aconteceram nesse e nos países vizinhos, é um destino em que não penso ultimamente. Fui ao Japão no ano passado e levei alguns iénes que cambiei numa loja que há no El Corte Inglés (não me lembro no nome, mas fica num dos pisos subterrâneos). Fizeram-me uma taxa de câmbio melhor que a do meu banco e foram muito profissionais (o terminal multibanco não funcionou da primeira vez que lá fui, então disseram-me para voltar a passar no dia seguinte e não me cobraram a taxa de serviço, como atenção pelo erro) :) recomendo.

    ResponderEliminar
  2. eh lá! Isso sim foi uma prenda! O teu marido tem um irmão gémeo? É que o meu eu bem posso estar a bater mal e a chorar baba e ranho se estiver triste com alguma coisinha que o gajo não se chega a frente e nunca teve ideias destas... não tenho mesmos sorte nenhuma!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Sabes lá tu o que a Anne lhe faz para ele ser assim tão querido? São muitos "truques" para manter ali o gajo a comer-lhe na mãozinha, que ela de parva tem pouco. Ah, pois!

      Eliminar
    2. Acho que o conceito de estar triste/fazer birra = marido oferece coisas é um bocado estranho. E não deve ser propriamente louvável ou invejável! Quando eu ou o meu marido estamos tristes, apoiamo-nos mutuamente, falamos um com o outro, damos carinho, tentamos resolver a situação. Prendas oferecemos espontaneamente, planeamos viagens juntos, fazemos surpresas sem razão. Desta forma como está descrito, parece que todas as ofertas resultam de um capricho, de um mimo. Já há uns tempos tinha sido fazer beicinho e receber uma MK. Acho esta dinâmica de casal um bocado estranha, mas, "to each their own".

      Eliminar
    3. @anónimo das 12h02: Na minha concepção, estar triste é completamente diferente de fazer birra e graças a Deus, nunca precisei apelar à esses truques para comprar o quer que seja (é para isso que trabalho: para comprar aquilo que me apetecer sem depender dos outros). A ideia da viagem nem sequer partiu do meu marido mas sim da minha mãe, que viu-me a chorar escondida num dia destes, que dizia que eu estava diferente, etc... Ela é que achou que a viagem seria uma prenda especial e combinou com o meu marido.

      Obviamente que prendas não curam tristezas mas ajudam a atenuar certas situações. O mais importante: amor, apoio e compreensão da minha família.. isso eu tenho de sobra!

      Eliminar
  3. Um bom sitio para dicas sobre viagens é o Portal das Viagens... Há vários reports sobre Marrocos..
    Aproveita a viagem e depois conta a experiência.
    Marrocos também está na minha lista =)

    http://www.portaldasviagens.com/forums/reports-de-marrocos.89/

    ResponderEliminar
  4. Mas que prenda tao boa!! Vai ser uma experiência maravilhosa com certeza :)

    Portuguese Girl with American Dreams
    http://fromportugaltonyc.blogspot.com

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá Diana :)

      Espero que sim, há muito tempo que tenho Marrocos debaixo do olho e é mesmo bom podermos concretizar algo que queremos há muito, não é?

      Eliminar
  5. Estive lá o ano passado c o meu namorado. Marrakexe e Ouarzazate! E vamos voltar pq ficou muita coisa por explorar. É simplesmente brutal.. N sei se e muito a tua onde e uma viagem mais aventureira.. E tens q ir o mais simples possível!!! Mas pronto DPS da nos o teu parecer!!! Eu CA Adorei !!! E tirei fotos a tudoooo!!!! Faz o mesmo para mostrares aqui ao pessoal!!! Chokran!!!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ahh que maravilha! Ouarzazate não devemos ter tempo para ir (a ideia é descansar também, não andar sempre a saltar de um lado para o outro e já temos algumas cidades para visitar), acho que vai ser uma daquelas viagens que fica na memória!

      Especialmente por que eu não sou nada aventureira (nunca acampei na vida, detesto situações que fogem ao meu controlo, enfim) e acho que vou andar ali num mundo novo, cheio de aventuras :) Fotos não irão faltar, clarooo :)

      Eliminar
  6. O marido da Anne chá bebeu o chazinho.. Como muitos outros portugueses!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Então não bebeu? Bebe todos os dias. E o cafézinho feito na minha cueca, hã? Todos os dias, que é para o moço andar ali sempre na linha. E já nem falo das macumbinhas que entretanto vou fazendo de vez em quando... lá se vai uma galinha preta à vida, mas pronto, é para um bem necessário, não é?

      (um dia em que esteja com mais tempo venho aqui partilhar consigo a receita do cházinho, vai ver que resulta mesmo nos casos mais difíceis. É tipo um "trago a pessoa amada em três dias". Tiro e queda!

      Eliminar
    2. Muito bom Anne... Aproveite a viagem!!! Há gente muito doida e invejosa.EF

      Eliminar
  7. O que causa estes comentários menos bons é realmente a forma como a Anne faz ênfase de tudo. Como se escrever algo do género "Andei triste com a mudança de hábitos mas o meu marido e a minha mãe lá me conseguiram animar com uma viagenzinha a Marrocos". Mas isso pareceria demasiado simples. Já agora, para quem comentou porque pensa que é preciso ter dinheiro, Marrocos é já ali e até com "meia dúzia de tostões" se passa lá um mês. Portanto neste caso não há necessidade desse tipo de comentários mais azedos.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. O que causa estes comentários menos bom é a falta de educação (para não dizer pior...) que certas pessoas têm. Eu faço "ênfase" de tudo por que sou intensa, sou exagerada, adoro um bom drama, comigo é tudo assim, em bold como diz o meu marido. É a minha forma de estar na vida, sou feliz assim, gosto dessa pitada a mais, percebe? Tanto nos momentos bons como nos momentos de merda. Não posso ser diferente, lamento.

      E sim, Marrocos é mesmo já ali (há até quem vá até lá de carro, para tu veres bem, é mesmo ali ao lado) mas infelizmente não dá para passar lá um mês com meia dúzia de tostões como tu o dizes (se já o fizeste, conta-me o segredo!). Nós vamos estar 8 dias e vamos gastar cerca de 2000€ (esse valor para mim não equivale exatamente a tostões - é triste mas é a vida, vida de pobre a minha). E isso sem contar as excursões que quero fazer por lá (dormir no deserto, por exemplo, custa 150€ por pessoa ou 200€/casal - tudo coisas baratinhas).

      Eliminar
    2. Acho que a anónima fala que dá para passar um mês com tostões fora da rede turística, dos hotéis e etc. De facto alugar lá uma casa, mesmo nas principais cidades, fica muito barato.

      Eliminar
    3. Anne, esse valor de 2000€ é referente a 2 pessoas (total de gastos para 8 dias)?

      Eliminar
    4. 2000€ é caríssimo para 8 dias em Marrocos.

      Eliminar
  8. Anne sabes perfeitamente que dá para passar por meia dúzia de tostões, mas também dá a gastar mais dinheiro e tu optaste pela forma em que te sentes mais confortável e é totalmente legítimo! Em qualquer sítio do mundo há sempre várias versões de viajar e para todo o tipo de bolso. Em Marrocos vais fazer excursões, mas por exemplo há quem leve o próprio carro, anda de transportes públicos, podes andar à boleia, até a pé de mochila às costas se quiseres. Pelo mundo fora há todo o tipo de viajante. Se tu não gostas, e eu por acaso eu também não, isso é outra história. Mas que dá para conhecer o mundo com pouco dinheiro lá isso dá, é só querer.

    ResponderEliminar
  9. A minha questão é who cares? quem é que tem paciencia suficiente para ter tanto ódio por uma pessoa que não conhecem. Como anda o nosso mundo meu deus! Aqui ninguém sabe a luta que as pessoas passaram na vida, outras menos outras mais, o que faz a diferença é o respeito. Desde de quando é que as pessoas acham que podem opiniar x e y sobre se ela esta bem, mal ou optima, se concordam ou não concordam. È verdade que o blog esta para o publico mas a minha questão é o porque de as pessoas perderem o tempo a comentar negativamente, não percebo o objectivo de tanto odio nos vossos comentários! como é que as pessoas conseguem ter uma visão tão negativa de birras e cházinhos? Custa assim tanto dizer: Que bom, aproveita esta viagem para melhorares e ficares mais feliz. Custa assim tanto? Jesus!

    Pequeno desabafo!

    Anne aproveita, diverte-te e explora. Espero que tenhas uma óptima aventura com a tua familia que todos aproveitem para recarregar boas energias e que tenham pensamentos positivos durante toda a viagem! Aproveita a vida a 100% com ou sem viagens, com ou sem MK. Aproveita a vida com tudo o que achas mereces! Envio te boas energias para esta nova etapa para ti a para a tua familia!

    Beijinhos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Eu fui c tostões nos bolsos mais o meu marido!!! E 600 euros deu nos para 8 dias!! Andamos sempre a pé em marrakexe e tivemos num riad dentro da medida. DPS gastamos na camioneta para ir para Ouarzazate!!! E no hotel q ficamos tb foi super barato. E comemos fora algumas vezes mas e super barato. Vale a pena aquilo é um mundooooo!!! Dos sítios mais fixes onde estive até hoje! Se alguém comentar o meu comentário(se for negativo) só o vou ler qndo estiver no WC! :)

      Eliminar
  10. Anne só para teres noção o meu marido planeou a viagem e os bilhetes de ida e volta ficaram nos por 200 e tal euros!!! Fomos pela raynar e n foi voo direto. E para lá só levamos no bolso 600 euros para tudo alijamento e comida. Isto para 8 dias! Chegamos tesos como é óbvio. Mas vimos muita coisa e estivemos alojados num ruas dentro da medina... Agr 2000 mil euros é a lot....isso e o q da ter a tesão do mijo.. As coisas as vezes conseguem se mais baratas

    ResponderEliminar
  11. Isso é muito Anne acredita e vais gastar bem mais lá pq apesar da moeda n valer nada tens sempre onde gastar o dinheiro. Podes levar euros e trocar lá ou no aeroporto de Madrid. Foi o q eu fiz.. 600 euros deu nos para tudo até para pequenas lembranças e estivemos em marrakexe e Ouarzazate . acredita q é verdades fizemos a festa com tão pouco e soube a pato!!!! Mas pronto acho q conseguidas mais barato. E aquilo é para ser explorado.. Andar,caminhar, ver sobretudo ver um país onde tudo mas tudo e tão diferente do nosso. So de andares a passear esquecesse logo dos problemas q tens.. É uma liberdade sensacional.. Vais curtir penso eu!

    ResponderEliminar
  12. Olá Anne. Marrocos é mesmo uma viagem imperdível, vai fazer um ano, agora em Março, que lá estive e foi uma viagem inesquecível! E não percas a oportunidade de passar uma noite no deserta, e daquelas experiências que só se tem uma vez na vida ☺️ Fica aqui o relato da minha experiente, se quiseres ler ☺️
    https://diariodebordodagi.wordpress.com/2015/03/10/dunas-erg-chebbi-sahara/
    Beijinho

    ResponderEliminar

© A GAROTA DE IPANEMA . All rights reserved.
MINIMAL BLOGGER TEMPLATES BY pipdig