01 setembro 2016

Diz que vem aí o Outono #1

E com a recente perda de peso (-24kg no dia de hoje), no fim-de-semana passado foi dia de experimentar tudo o que havia dentro do closet (juro-vos que foi uma tarde nisto) e constatar que ou me ponho a pau e começo a comprar roupa do meu tamanho actual... ou vou passar frio neste outono/inverno. Vá, exageros à parte, a verdade é que perdi muita roupinha nessa brincadeira de achar que se perde 20 e tal quilos e se continua a vestir as mesmas coisas. É impossível. Tudo muda, o tamanho das roupas, o tamanho dos sapatos (tenho botas de cano longo que me estão gigantes), as jóias estão todas largas (estou sem aliança há mais de um mês, enquanto decido se a mando ajustar ou não), portanto... com as arrumações, acabei por dizer adeus a mais 3 sacos de lixo (daqueles de 50 litros) só com roupas e calçado que me estão grandes.

E sim, deu pena, deu imensa pena mandar fora (neste caso, dar à minha igreja) roupa que usei duas vezes ou botas que só calcei uma vez. Coisas que me custaram imenso dinheiro, de marcas que adoro mas que infelizmente já não me servem (e não tenciono usar mais). Sendo assim, esses saldos serviram essencialmente para repor a roupa que tenho vindo a perder. Aleluia a quem inventou a época de saldos, desta vez salvaram-me a pele ;)

Quando fui ao Gerês, no início de Agosto, contei-vos que apanhei uma Aldo em mega saldos (mais de 70% de desconto) e que saí de lá cheia de caixinhas, lembram-se? Entretanto devolvi dois pares e comprei mais um hahaha sou a indecisão em pessoa (e o pavor das vendedoras das lojas). Hoje partilho com vocês as minhas escolhas:

Botim em pele de camurça bege, um clássico que me fazia falta e que não poderia ser mais confortável! Adoro botins!


Sneakers em pele nude a atirar para o rosa, com um salto interno associado à palmilha - que dá para remover se quisermos - e que tornou-se a coisa mais confortável em que os meus pés já repousaram! É uma delícia e já foi escalado como os meus 'tênis-oficiais-de-viagens' quando realmente ando até gastar as solas dos sapatos.

Estes botins foram um verdadeiro achado e têm uma qualidade excepcional! Todo em pele, com detalhes dourados que adorei, havia em preto e em castanho - andei em dúvida mas como a minha mãe comprou os pretos, optei pelos castanhos - são ainda mais giros ao vivo! Estavam com um mega desconto, eram de cento e tal, vieram por trinta e cinco euros. Um encanto!

Achei esses tênis bastante ao estilo dos 'gazelle' da Adidas que estão tão em voga ultimamente. Não sou fã de tênis (já de botins, ui ui) por isso acho impensável gastar 100€ nuns ténis. Fiquei muito satisfeita com esta versão da Mango, todo em pele (camurça vermelha e pele bovina a branco), com uma maciez e conforto incríveis. Estou mortinha para o calçar!

Em termos de calçado de verão, não investi muito porque o verão está mesmo no fim e já só tenho olhos para as botas e botins. E para sobretudos cintados. E coletes de malha. E roupa em veludo. Aiiiii que este ano prevejo uma pequena desgracinha no orçamento quando o frio realmente chegar. Mi aguardemmmm!
SHARE:

10 comentários

  1. Olá... Adoro os primeiros... e botins em geral :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá! Eu também adorei os primeiros mas os meus preferidos são os castanhos com detalhes em dourado :)

      Eliminar
  2. Gostei imenso de tudo!! Bjs

    ResponderEliminar
  3. Eu como eterna magra-gorda-magra-gorda já aprendi que devemos manter sempre as nossas roupas de gordinha porque infelizmente, uma vez gorda, para sempre gorda, e não digo isto por maldade mas por larga experiência de dietas e reeducações alimentares. Parabéns pela perda de peso que tem muito mérito.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Tenho que discordar, não acho válido esse pensamento de resignação "uma vez gorda, sempre gorda". Conheço tantos casos (mais do que posso contar) de gente que perdeu 30, 40kg e nunca mais engordou! Aliás, o mais comum é mesmo isso: depois de uma grande perda de peso (originado por mudança de hábitos - não por medicações ou cirurgia) é difícil uma pessoa voltar aos mesmos erros e engordar.

      Contra mim falo, que nunca mais na vida quero voltar a ser como era. Na altura não me fazia grande mossa mas agora que sei como é estar muito melhor... não quero outra coisa. Faço os sacrifícios que forem necessários para me manter assim, não há vontade de comer que me vença. Não mesmo.

      (eu por vezes demoro a tomar uma decisão mas quando eu tomo... dificilmente volto atrás e encaro esta mudança de estilo de vida como algo a manter para sempre.)

      Em minha vantagem tenho o facto de nunca ter emagrecido muito (não passei pelo engorda-emagrece) mas sim pelo processo contrário: comecei a engordar... engordar... e não parei mais até que decidi mudar de hábitos. Tem dado certo até agora e é mesmo para manter.

      Desejo que tenhas a força de vontade necessária para esquecer o que ficou para trás e focar no que vem por aí. Se eu consegui, qualquer pessoa consegue.

      Eliminar
  4. Eu preciso de começar a pensar em comprar dois pares de botas rasos. Não tenho nada

    Cátia ∫ Meraki

    ResponderEliminar
  5. Acho tudo giro menos os ténis nude, esses achei estranhos. Talvez fique bem no pé mas assim não gostei. Eu tenho de concordar com o anónimo sobre o eterno magra-gorda vice-versa. Também sou assim, fui magra a vida toda até ter começado a engordar, depois disso a necessidade de dietas, muito peso perdido, muita força de vontade, depois a sensação de estar a perder coisas boas por causa de dieta e o já não querer saber. Admiro quem inicia uma dieta e consegue manter para sempre uma boa alimentação, mas eu também não daria ainda a minha roupa, esperava pelo menos mais um ano. Não te esqueças também que se pensares em engravidar poderás precisar dessas roupas mais largas! Afinal de contas não vale a pena gastar dinheiro para apenas 9 meses quando se pode aproveitar o que já se tem.

    ResponderEliminar
  6. Perdi 50kg aos 20 anos, tenho 25 e nunca mais na minha vida quero ter o peso que tinha. Fui gorda, não o voltarei a ser mais se isso depender de mim. Guardar roupas de quando fomos mais gordas para mim é achar que vamos voltar a cometer os mesmos erros do passado. Na minha opinião fizes-te o melhor, quem faz uma reeducação alimentar levada a serio nunca mais consegue comer o que comia antes nas quantidades que comia.. que fazia mal e que por consequência nos faz engordar. Beijinho e parabéns Anne

    ResponderEliminar
  7. Os botins são muitos giros!!
    Os sneakers nude são um must!! Eu adoro sapatilhas, tenho uma coleção.... esses também são muito giros, não ficam a atrás dos gazelle e sou bem suspeita porque tenho uns!!

    ResponderEliminar

© A GAROTA DE IPANEMA . All rights reserved.
MINIMAL BLOGGER TEMPLATES BY pipdig