28 junho 2017

Criar memórias inesquecíveis:



Foi o que fizemos nesses últimos dias pelo Sul. Fomos até o Alentejo, passámos pelo Algarve, matamos saudades das praias do coração (Praia da Oura & Santa Eulália), estivemos juntos de uma forma como há algum tempo não estávamos (sem telemóveis, sem ipads, sem tecnologias... sem interferências - o que é uma luta quando se tem uma mãe workaholic que precisa sempre controlar tudo e nunca desliga). Foi óptimo! A Vi decidiu à última da hora que afinal queria nadar com golfinhos e foi um pincel para conseguir marcar a experiência para a data em que estivemos no Zoomarine, mas lá conseguimos :) Achei que ela fosse ter medo (parecendo que não, as piscinas reservadas onde eles fazem a interacção são enormes e fundas, é um bocadinho assustador imaginá-la a nadar sozinha com dois golfinhos) mas a miúda delirou!

Foram só três dias mas souberam mesmo pela vida! Tão bom! Estar com a nossa família, passar tempo de qualidade com eles, ver o quanto eles desfrutam dessas escapadinhas... não tem preço, tem valor. Que venham mais fins-de-semana assim, cheios de sol, calor e pessoas especiais ao nosso lado!

(Pena que tenhamos regressado a uma Lisboa cinzentona, ventosa e com pingos de chuva. Ninguém merece isso, pois não?)
SHARE:

15 comentários

  1. É bem de aproveitar estes momentos em família :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. É mesmo :) O dia-a-dia é tão corrido que até parece que nos esquecemos de como é bom desligar e curtir os nossos!

      Eliminar
  2. Olá Anne, que fotografias lindas, estou cheia de inveja! Um dos meus sonhos é poder nadar com golfinhos, se não for indiscrição, quanto é que custou e quanto tempo é que podemos estar com eles na água?

    Obrigada!
    Um beijinho

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá :) O programa de interacção com golfinhos dura 1h30 min, mas só estamos realmente em contacto com o golfinho por 30 min, o restante do tempo são explicações, vídeos e 'formação' sobre o tipo de comportamento que podemos ter na água, etc... O valor rondou os 200€ por pessoa (170€ experiência + 25€ pelas fotos + 2€ por cada familiar que quis assistir à interacção).

      Nós acabamos por decidir muito em cima da hora mas se fosse antecipadamente, teria optado por um voucher da Odisseias (ainda estão à venda) em que fica a 240€ para duas pessoas, sai muito mais em conta (mas confesso que não sei se os clientes 'de voucher' terão o mesmo tratamento que nós tivemos e se ficarão o mesmo tempo na água com os golfinhos).

      De resto, é aproveitar porque é mesmo super giro :)

      Eliminar
    2. Fónix... 200€ para a miúda estar 30 minutos dentre de água. Isso que eu acho estourar dinheiro. O grande problema dos adolescentes de hoje em dia é que sempre foram mau habituados pelos paizinhos a terem tudo a tempo e horas, depois transformam-se em adultos frustrados quando não levam a sua avante.

      Eliminar
    3. Anónimo das 20:38: Não percebo este género de comentários. Foi o seu dinheiro que pagou a experiência? Não, não foi. Cada um estoura o seu dinheiro naquilo que entender, se eu quisesse pagar 500€ para ver os golfinhos cagarem na água, epá, qual é o problema mesmo? Não estou endividada, tenho as contas em dia, tenho a despensa cheia de comida em casa... assim de repente não sei bem a razão do seu incómodo.

      Educar uma criança passa por dizer 'Não' nos momentos certos (lá está, para que não se transforme numa adulta frustrada no futuro) mas acredito que também passe por poder proporcionar momentos destes, que ficarão para a memória. Qual é o drama?

      Eliminar
    4. bom dia :)
      gostava de esclarecer que é um risco colocar publico comum em contacto com um animal assim... 200€ não pagam a vida de um animal seja ele qual for. nao se esqueçam que existem bacterias que passam de nos para eles e vice versa. ha quem não saiba mas quando as primeiras interacçoes começaram, morreu um golfinho no zoomarine infectado por uma bacteria... em todo o caso parabens anne pela experiencia da vi. beijinhos

      Eliminar
    5. Eunice, faz esse alerta todo e depois dá parabéns pela experiência. Em que é que ficamos? Um bocado incoerente.

      Eliminar
  3. O zoomarine é muito fixe! quando era mais nova ia la todos os anos. agora ouvir dizer que tem mais coisas divertidas como escorregas e assim! aposto que ainda é mais divertido do que quando ia la xD

    TheNotSoGirlyGirl // Instagram // Facebook

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Esta foi a 2ª vez que lá fui e realmente, está muito mais giro do que eu me lembrava! Diversões novas, uma estrutura fantástica com tudo e mais alguma coisa, vale bem a pena :D

      Eliminar
  4. Tãooo bom estar em família e pelas fotos parece ter sido maravilhoso :)
    Beijinho

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. É das melhores coisas da vida (se não for mesmo a melhor!).
      Beijinhos

      Eliminar
  5. O Zoomarine é um espectáculo, adoro e só não faço interação com os golfinhos porque não sei nadar senão bem juntava dinheirinho para ter uma experiencia assim. Já estive no Zoomarine 3 vezes e adoro a maneira como os animais são tratados, a interação deles com os tratadores e a exposição ao público da importancia dos animais e respeito pelo ambiente. Sinceramente acho que é dos melhores locais do país para se levar uma criança (eu só não vou lá mais vezes porque moro no norte do pais...)

    ResponderEliminar
  6. Estava a ler o post ao mesmo tempo que dava uma reportagem sobre os golfinhos no zoomarine. Penso que deve ser uma experiência incrível, adorava!

    Freedom Girl // Instagram

    ResponderEliminar
  7. Não consigo ver prazer, nem beleza. Tudo o que envolve exibição de animais, araras, cobras, lagartos, golfinhos, não acho correto. Felizmente a opinião pública conseguiu cancelar um programa que a SIC ia transmitir com os famosos a nadar com os golfinhos. De resto, gosto de todas as suas viagens e compras, são uma inspiração e fazem sonhar e desejar um dia conhecer os lugares que descreve.

    ResponderEliminar

© A GAROTA DE IPANEMA . All rights reserved.
MINIMAL BLOGGER TEMPLATES BY pipdig