29 outubro 2017

Breve estudo sociológico sobre as pessoas que frequentam cafés:

Enquanto esperava o meu marido terminar uma consulta médica e a como a coisa estava para demorar, decidi sentar-me no café ao lado para fazer tempo. Pedi uma torrada e um sumo, enquanto observava o ambiente do café - e claro, as pessoas. Estive no café por quarenta minutos e concluí que para se trabalhar em pastelaria é necessário toooda uma paciência. A sério, um funcionário de balcão de pastelaria leva com os pedidos mais estranhos que vocês possam imaginar, eu estava a ponto de começar um estudo sociológico sobre as pessoas que frequentam aquele café. Havia de tudo:

- A senhora que pediu por pães da avó mas que tinham que ser "muito mal cozidos, bem clarinhos" e que fazia questão de escolher um a um: "este aqui, perto do vidro, aquele outro ali embaixo, o terceiro a contar do seu lado..."
- A rapariga que quis um café "em chávena fria, se faz favor."
- O senhor de idade que pediu por um "café sem princípio".
- A outra senhora que entrou apressada e pediu por 4 pães de mafra bem cozidos e quando a funcionária começou a metê-los no saco, exclamou "eu quero muito bem cozido, quase torrados" e lá vai a funcionária revirar os olhos.
- A menina que pergunta se a quiche é feita com leite sem lactose.
- O homem de fato e gravata que pede um café cheio em chávena escaldada.
- O casal de namorados que pediu duas tostas mistas com pão de forma aparado "porque ela não gosta de pão com côdea".

Eu nunca trabalhei em restauração - mesmo quando estava à rasca, preferi ir antes para um call center - porque sabia que não era para mim. Eu fervo em pouca água, já nasci sem paciência, acho que as pessoas são demasiado manientas e corria com elas do café em dois tempos. Qual chávena escaldada, qual quê! Manias, pá. Tá aqui o café e já vai com sorte de não recebê-lo num copinho de plástico, assim escaldava mas era os dedos. Que gente tão comichosa, por Deus! E que paciência que as pessoas que trabalham nesta área precisam ter, até custa pensar que a maior parte recebe um salário tão baixo para lidar com tanta gente chata e picuinhas. Xiça!
SHARE:

11 comentários

  1. Ahahahahahahsh!!!O que me RI da sua escrita! O que será "Um café sem principio"??? Fiquei curiosa!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Café sem principio ou caé sem ponta é quando ao tirar o café se deixa correr os primeiros 2 segundos com o café mais forte e só depois meter a chávena. Picuinhas!

      Eliminar
    2. Obrigada "Vânia Neves", fiquei esclarecida!!Pois...realmente picuinhas!!

      Eliminar
  2. Trabalhei numa pastelaria quase 3 anos e todos estes pedidos que descreves são prato do dia. Nem são tão estranhos assim, na verdade. Café em chávena fria ou chávena escaldada é um pedido muito, muito comum. O pior nem é isso. As pessoas são mal educadas e pensam que quem trabalha nestes serviços é seu criado pessoal. Fora a má educação e mania que são muito superiores, há coisas que fazem revirar os olhos tipo "Quero o galão escuro, com muito e muito café, só um pinguinho de leite", levamos como pedem, há que deus que está muito aguado (é uma chávena cheia de café, claro que é menos espesso que leite). Isso e nunca estar bem... Se tem muito café, tem muito café. Se tem pouco café, tem pouco. Levamos para trás para fazer como o cliente manda, quando chega à mesa ainda não está bem.

    Se eu fosse assim picuinhas com a comida, nem sequer iria a um sítio destes porque nunca ninguém iria fazer exatamente como eu quero. É impossível. Quase dá vontade de dizer ao cliente para entrar no balcão e servir-se tal como deseja. Há pessoas mesmo difíceis de agradar.

    O pedido mais estranho que me fizeram veio de dois senhores de meia idade que me fizeram pegar numa grande caneca que tínhamos lá só para decoração e verter lá dentro um sumol de laranja, um ice tea de manga, uma cola e uma cerveja. Aparentemente aquilo é uma cena, lá onde eles moravam. Que mistura do Inferno! Só a cor daquilo...

    ResponderEliminar
  3. Anne concordo que há gente difícil e picuinhas, mas não acho nada bem que se meta no mesmo saco as pessoas que perguntam se algo tem lactose, por exemplo. Uma coisa é ser picuínhas, outra BEM diferente é ter intolerâncias alimentares. Eu toda a vida comi glúten e lactose e tornei-me intolerante há coisa de 2 ou 3 anos devido a outros problemas de saúde. Se comer, é simples, vou parar ao hospital. E acredita que também cansa muitoooo passar a vida a ser apelidada de esquisitinha ou revirarem os olhos por acharem que é dieta ou moda, em todo o lado, todos os dias, constantemente. Quando sabe Deus o que me mordo toda por já não poder comer mil coisas que amo... Há que saber distinguir entre saúde e pancada, sim? :)
    Alexandra M.

    ResponderEliminar
  4. Ahaha! Adorei! Também não sei se conseguia atirar gente tão manienta! Arre!! Quando estudava também trabalhei num vale center e q vantagem é que podia revirar os olhos sempre que quisesse (e revirava mesmo mt)! :p

    ResponderEliminar
  5. Já trabalhei na restauração e sei bem o que isso é .. no fundo trabalhar com o público é geral é todo um teste à nossa paciência .

    ResponderEliminar
  6. "Um descafeinado em chávena escaldada com adoçante e um copo de água com 3 pedras de gelo" "será que pode desligar o ar condicionado?" "um licor beirão com limão espremido e alguns grãos de café" blá blá blá sei muito bem o que isso é por experiência própria hehe

    ResponderEliminar
  7. Ai Anne, sei bem o que isso é!! Não é o meu trabalho mas o meu marido tem um pequeno estabelecimento de restauração e as vezes lá tenho que dar uma mãozinha. Não tenho paciência, juro que não. o melhor que já apanhei: 2 pessoas : 1 café e dois copos de agua com gelo! foram aso wc, leram o correio da manha, pediram para mudar a tv para a SporTV, um guardanapo (os que estavam na mesa nãos serviam) para a menina assoar o nariz!! Tudo por 0.60€ !! Revirei os olhos pois claro!! E ainda dizem que o Algarve é caro?!?!?!

    ResponderEliminar
  8. Eu peço sempre cafe em chavena fria... nao consigo beber de outra forma!!! Sao gostos, tal como pedir um bife bem ou mal passado. Nao acho que seja picuinhas. Picuinhas é implicâncias desnecessárias. Desde que seja possível fazer e pedido com boa educacao nada contra e tudo a favor. Beijinhos

    ResponderEliminar
  9. A mim chegaram a pedir-me uma imperial só com espuma! For God sake!

    ResponderEliminar

© A GAROTA DE IPANEMA . All rights reserved.
MINIMAL BLOGGER TEMPLATES BY pipdig